Galeria Leme

Português Instagram
+ Exhibitions

Yoshihiro Suda

04.05.08 _ 05.03.08

Weeds, Leaf and Twig (Detalhe), 2006-08

As galerias Fortes Vilaça e Leme têm o prazer de apresentar a primeira exposição individual do japonês Yoshihiro Suda no Brasil. O artista apresenta um conjunto de obras que combina realismo, qualidade técnica e delicadeza.
Desde o início de sua carreira, nos anos 1990, Suda utiliza a madeira como suporte para suas esculturas. Desbastada à mão, a matéria prima ganha formas de plantas. Em seu repertório, encontramos uma infinidade de espécies de flores (como camélias, tulipas, lírios, rosas) e folhas, mimeticamente esculpidas e pintadas. A devoção do artista ao realismo é surpreendente, as plantas parecem estar vivas e capazes de “fotossintetizar”. Apropriando-se das formas da natureza, Suda cria obras que lidam com os frágeis limites que existem entre realidade e ficção, vida e morte.
Suas pequenas esculturas nunca são colocadas sobre pedestais ou dentro de caixas de vidro. O artista explora a relação com a arquitetura: as flores são coladas diretamente nas paredes ou teto e as folhas são dispostas pelo chão. Sempre distantes umas das outras, as esculturas pontuam os espaços expositivos. O ambiente vazio faz uma alusão a uma característica da cultura popular japonesa: o uso de poucos objetos na vida cotidiana.
Três flores abertas e no auge de sua beleza são vistas na Fortes Vilaça, enquanto que na  Leme, folhas e gravetos brotam dos cantos e frestas de cimento da galeria, sugerindo a passagem do tempo entre um lugar e outro, ou a presença de duas estações do ano na mesma cidade, ao mesmo tempo.
A parceria entre as duas galerias surgiu inicialmente da vontade paralela de ambas de realizar uma exposição de Yoshihiro Suda no Brasil. Quando os galeristas descobriram que compartilhavam do mesmo intuito, resolveram fazer a mostra ao mesmo tempo, possibilitando que o público brasileiro conhecesse de forma mais completa a obra do artista.

Yoshihiro Suda nasceu em Yamanashi, Japão, em 1969. Vive e trabalha em Tóquio. Em 2004, teve uma importante mostra individual no Palais de Tokyo, Paris; em 1999, expôs no Hara Museum, Tóquio, Japão e no The Art Institute of Chicago, USA. Sua obra figura em importantes coleções como o Centre George Pompidou, Paris e The National Museum of Art, de Osaka, Japão.